Pichau Arena
Uma Batalha de Informações

LoL: 4 curiosidades sobre a história das Guardiãs Estelares

Nome de Fiddle, similaridade com Sailor Moon e mais

0

Desde 2016, a Riot Games é responsável por dar vida as Guardiãs Estelares, que são um sucesso na comunidade de League of Legends (LoL) desde o lançamento. O universo das garotas mágicas do LoL voltou com o evento de 2022, trazendo a história de Rakan e Xayah e adicionando novos personagens na história.

Com início em 14 de julho e sendo um dos eventos mais esperados pela comunidade do game, os fãs do LoLzinho poderão aproveitar novidades, novas skins e missões por cerca de um mês. Neste processo, a Riot também entregou algumas informações a mais para os apaixonados pela história que envolve o universo das Guardiãs. Separamos quatro curiosidades, veja:

 

1. O que faz uma campeã ser uma guardiã estelar?

 

 

Uma das principais característias das guardiãs é a gema de estrela que carregam no coração de cada uma das escolhidas para proteger o universo. Porém, vale lembrar que as estrelas estão diferentes na season de 2022, com estrelas de três e quatro (Ahri e Neeko) pontas; sendo designs únicos para demonstrar que são pessoas que são diferentes e possuem suas singularidades se unindo. Tudo isso de acordo com Stephan Bedford, o produtor narrativo do LoL e do Wild Rift em entrevista ao Dot Esports.

 

2. Fiddle, o Nêmesis Estrelar

 

Foto: Reprodução/Riot Games

 

Nesta season, o aterrorizante Fiddle também foi incluído na história das garotas mágicas do LoL, sendo o primeiro guardião a cair. Com a explicação de Bedford, é possível encontrar a inspiração de Sailor Moon no desevolvimento da lore, visto que, Fiddle havia sido um guardião com um “nome familiar”  Geist; em Sailor Moon, os guerreios que protegem o príncipe Endymion se chamam Jedite, Nefite, Zoisite e Kunzite. Além disso, o produtor reveleu que Harp — nome de Fiddle — caiu por conta de Zoe tornar-se uma supervilã.

 

 

3. Morgana seria a Rainha Beryl?

 

Foto: Reprodução/SMcempathy

 

Em Sailor Moon Crystal, os guerreiros corrompidos Jedite, Nefite, Zoisite e Kunzite se tornam defensores da Rainha Beryl, que na história do anime é considerada a líder do Reino Sombrio. Antes de virar uma vilã, Beryl era apaixonada pelo príncipe Endymion e nunca teve seu amor correspondido por conta da princesa Serenity, a Sailor Moon original. Corrompida,  Beryl auxilia a Rainha Metalia a coletar energia de humanos.

Morgana é a vilã da história e possui similaridades com a personagem e comanda Fiddle, que é um guardião caído. É apenas uma teoria da redação da Pichau Arena, mas vale lembrar também que de acordo com a lore da campeã, sua proficiência é de Rainha Sombria; lembrando Rainha Beryl.

 

 

 

4. As primeiras garotas mágicas negras?

 

Foto: Reprodução/Riot Games

 

Quem possui familiaridade com o universo de garotas mágicas, sabe que é quase impossível ter uma guereira negra. Existem algumas histórias em quadrinhos independentem que apresentam personagens negras na posição de garotas mágicas, universo em que as Guardiãs Estelares se baseiam.

Na grande mídia, talvez seja a primeira vez que vemos Guardiãs Estelares negras e podemos dizer que a Riot Games fez um trabalho que deveria ter sido feito há muito tempo atrás por outras empresas. O importante é que temos Rell, Nilah, Senna e até mesmo Ekko para representar centenas de garotas mágicas espalhadas pela terra.

 

 

Veja mais:

LoL: Memes brasileiros vão ganhar ícones e emotes no League of Legends; confira

LoL: skins Domadora de Monstros chegam ao PBE; veja

Como jogar LoL: 3 duos para Nilah

 

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x