Pichau Arena
Uma Batalha de Informações

Como jogar Free Fire Max? É diferente do FF original?

Gráficos mais bonitos, experiência e visual melhorados, mas maior necessidade de espaço e de internet

0

É um fato de até quem não liga para games e eSports (esportes eletrônicos) sabe que o Free Fire (FF) é um dos grandes expoentes da atualidade: o battle royale da Garena está em todos os lugares, seja nos smartphones, nos computadores, na TV, em matérias digitais e em parcerias mais do que lendárias.

Além de ser um dos jogos mais baixados da Play Store, o game já teve parceria com o Burguer King, o grupo sul coreano de pop BTS (Bangtan Boys), o DJ Alok, o game Assassin’s Creed, o anime Attack On Titan e a cantora pop brasileira Anitta. Com um número tão grande de parcerias de sucesso, não há dúvida que o game é gigante.

 

Veja como resgatar codiguins no Free Fire

 

O sucesso do jogo veio justamente por conta da possibilidade de rodar em diversos tipos de aparelhos celulares, desde os mais simples até os mais modernos. Inclusive, alguns famosos do cenário e criadores de conteúdo do battle royale só puderam crescer da forma que cresceram por conta de começarem suas carreiras em aparelhos super simples, tais como Bruno “Nobru” Goes (da Fluxo) e Bárbara “Babi” Passos (LOUD).

Imagine um jogo que já alcançou cerca de 150 milhões de jogadores ativos diariamente em todo o mundo, o primeiro battle royale a ter 1 bilhão de downloads na Google Play Store, tendo alcançado o pico de espectadores simultâneos de 5,4 milhões de pessoas assistindo ao Free Fire World Series (FFWS) de 2021, que é o mundial do game que rolou em Singapura.

 

FF: Lobato recebe sondagens de Team Liquid e Los Grandes

 

Calma, tem mais: ainda foi eleito por dois anos seguidos como o “Jogo Mobile de Esports do Ano”, sendo em 2020 e em 2021 no Esports Awards, considerada a maior premiação do mundo dos eSports. É muita coisa, não? Aparentemente, não para a Garena, que é desenvolvedora do jogo e responsável por realizar e organizar campeonatos da modalidade aqui no Brasil e fora também.

Não satisfeita com o sucesso gigantesco do game em todo o mundo, a desenvolvedora do battle royale resolveu expandir mais a sua atuação com o próprio Free Fire ao lançar o Free Fire Max.

 

As diferenças do Free Fire MAX para o Free Fire original

 

Imagem: Reprodução/Garena

 

Lançado em 28 de outubro de 2021, o Free Fire Max veio ao mercado com a proposta de ser um tipo de versão “aprimorada” do Free Fire original. Com mais de 100 milhões de downloads apenas no Google Play, atualmente conta com 11 milhões de avaliações que alcançam uma nota de 4,1 de 5. De acordo com a própria Garena, o objetivo da versão é “trazer uma experiência especial para o battle royale”.

Utilizando da tecnologia Firelink, os jogadores podem utilizar a mesma conta que já jogam no Free Fire original, não perdendo tempo, experiência e muito menos os queridos itens do game. Claro que, o jogo continua sendo o mesmo, porém, na versão do Free Fire Max, os gráficos estão bem mais bonitos em comparação com o original. Porém, se engana quem pensa que a novidade fica apenas no Ultra HD do jogo, separamos mais algumas coisas importantes desta versão. Se liga:

 

Como jogar Free Fire Max

 

Imagem: Reprodução/Garena

 

Apesar de ser um game gratuito, nem todos os fãs poderão jogar Free Fire Max por conta dos requisitos para rodar o jogo. As mudanças para a nova versão com atualizações e gráficos mais potentes teria que sofrer alterações na hora de rodar o jogo.

Com isso, o tamanho do aplicativo é uma das primeiras coisas a se atentar, visto que, ocupa o triplo de espaço do original, sendo necessário possuir mais ou menos 500 MB de espaço de armazenamento do seu smartphone, além do download do próprio aplicativo que fica em torno de 1,5 MB.

Então, além de ser um celular melhor por conta de exigir RAM, GPU e CPU também, é necessário contar com a parte da internet. Para se ter uma ideia, é necessário ter um iPhone 6s para rodar o game nos requisitos mínimos. Ou seja, realmente não é um jogo para todos.

 

Novidades da versão

 

Imagem: Reprodução/Garena

 

Além dos gráficos com novas texturas, muitos detalhes e alterações em animações do jogo como resultado de diversas melhorias visuais por parte dos desenvolvedores, os sons também foram melhorados e é possível perceber de cara quando se joga os barulhos de aceleração de um veículo, por exemplo, assim como quando uma arma é utilizada ao disparar uma bala; realmente, a experiência de jogo é muito mais avançada em comparação com o jogo original.

A visualização do jogo em si também foi modificada, alterando efetivamente o gameplay, visto que os jogadores conseguem visualizar seus inimigos e também objetos em uma distância muito maior do que a usual. Vale lembrar que o jogo refez alguns mapas de forma especial e também conta com um lobby em 360º.

 

 

Veja mais:

FF: Site revela novo codiguin infinito do evento da personagem de Anitta

FF: Site revela que Garena exige que R7 e Victor7 desistam de seus processos para jogarem a LBFF

FF: Calça angelical branca poderá ser obtida de graça

 

 

 

Matéria escrita por Siouxsie Rigueiras publicada na Betway Inside e adaptada para o leitor Pichau.

 

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x