Pichau Arena
Uma Batalha de Informações

Baze e TGS são desclassificadas da LBFF e têm jogadores punidos

0

Nesta quinta-feira (15) , a Garena comunicou a desclassificação de duas equipes da Liga Brasileira de Free Fire, Baze e TGS Elite. Ambas foram investigadas e foi constatado que houve compartilhamento de contas com terceiros. No caso da Baze, Weedzão teria permitido que o jogador Bixopaia jogasse em sua conta. Enquanto a TGS teve mais de um membro acusado de infringir a regra e os demais jogadores estavam cientes do ocorrido.

Caso Baze

A recém criada, Baze, parece ter um início da carreira desfavorável, após ser rebaixada para a Série C logo no primeiro campeonato. Desta vez, a equipe está desclassificada da terceira divisão do campeonato e Weedzao e Bixopaia suspensos até o fim da LBFF 6. O motivo seria a quebra do regulamento 9.4 que proíbe o compartilhamento de contas. No caso da Baze, a Garena teve conhecimento que Weedzao teria permitido que Bixopaia usasse sua conta.

Caso TGS Elite

A campeã da Série C, TGS Elite, sofreu com a mesma punição, no entanto, a regra foi quebrada por mais de um jogador, sendo os suspensos, Yasuo, Thiagorj e jhoNNy. Além disso, foi informado que os demais membros do time sabiam do ocorrido e não reportaram a Garena, por isso sofrerão com a mesma penalidade. Com a suspensão, a TGS perde a vaga recém conquistada para a Série B, que será passada para outra equipe.

Versão das organizações

O staff da TGS, ArcaX, se pronunciou por meio do Instagram oficial da organização. Segundo ele, as acusações são infundadas e foram pegos de surpresa com a notícia de desclassificação. A organização espera que haja transparência com o caso pela apresentação de provas, entretanto, até o momento não houve diálogo com a Garena. ArcaX lamentou o posicionamento da desenvolvedora e relembrou o investimento feito pela TGS no split e o sonho dos jogadores.

A Baze até o momento da publicação desta matéria não se pronunciou.

As punições foram aplicadas a partir desta quinta-feira (15) e se estenderão até o final da LBFF 6. Sendo assim, não poderão participar de nenhum campeonato ou atividade da Liga Brasileira de Free Fire até terminarem de cumprir a punição. Após o prazo ambas as equipes serão novamente avaliadas se estão aptas para retornar ao torneio mobile.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x